| | | 百度

Setor de constru??o brasileiro vê queda acentuada de receita em 2016

2019-05-23 17:04:21丨portuguese.xinhuanet.com
百度 其中,老年人、残疾人、儿童福利类项目占公益金%,社会公益类项目占%。

Rio de Janeiro, 4 mai (Xinhua) -- Muitas grandes empresas de constru??o civil do Brasil viram sua renda cair em 2016, devido à participa??o no escandalo de corrup??o da Petrobras e à crise econ?mica no país, o que levou a um menor número de projetos.

De acordo com um relatório do canal de notícias G1 divulgado na quarta-feira, a Camargo Corrêa viu sua receita cair 38% no ano passado para 1,867 bilh?o de reais (592 milh?es de dólares), enquanto Andrade Gutierrez viu a receita cair 30,8% para 2,051 bilh?es de reais.

A Engevix Engenharia registrou a maior queda, perdendo 62% de sua receita, embora a Odebrecht, que esteve no centro do escandalo, n?o tenha revelado seus resultados financeiros.

No total, o setor de constru??o civil brasileiro caiu 5,2% em 2016, contribuindo para que o PIB global do país tenha contraído em 3,8%. Cerca 1,08 milh?o de trabalhadores no campo da constru??o perderam seus trabalhos durante os dois últimos anos até o fim do ano passado.

?

Fale conosco. Envie dúvidas, críticas ou sugest?es para a nossa equipe através dos contatos abaixo:

Telefone: 2019-05-2305-0795

Email: portuguese@xinhuanet.com

010020071380000000000000011100001362599551
百度